terça-feira, 4 de dezembro de 2007

(des) ilusões (des) amorosas

"Tu, só tu, puro Amor, com força crua,
Que os corações humanos tanto obriga,
Deste causa à molesta morte sua,
Como se fora pérfida inimiga.
Se dizem, fero Amor, que a sede tua
Nem com lágrimas triste se mitiga,
è porque queres, áspero e tirano,
Teus altares banhar em sangue humano."

Camões, por volta de 1500, para mim, hoje!!!!

Um comentário:

OLED disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the OLED, I hope you enjoy. The address is http://oled-brasil.blogspot.com. A hug.